Ibitinga, Domingo, 21 de Outubro de 2018
Arroba do boi gordo chega a R$ 100,00 no mercado paulista
Os preços da arroba têm sido impulsionados pela baixa oferta de animais para o abate

  A arroba do boi gordo bateu os R$ 100,00 no mercado paulista. Nessa terça-feira, 19, o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa (São Paulo, à vista, CDI e para descontar o Funrural) fechou a R$ 101,06, se aproximando do maior valor real da série deste Indicador, iniciada em 1997 – valores deflacionados pelo IGP-DI de setembro/10. Conforme série deflacionada do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, até o momento, a maior média mensal do Indicador é de R$ 102,99, verificada em novembro de 1999 – quando a média nominal era de R$ 41,75. Já em termos nominais, desde o começo de outubro, o Indicador vem batendo recordes diários.


   Quanto à carne com osso negociada no atacado da Grande São Paulo, o preço é o maior de toda a série (real) do Cepea, iniciada em abril de 2001. A média parcial de outubro da carcaça casada de boi (com osso) é de R$ 6,17/kg.


   Segundo pesquisas do Cepea, os preços da arroba têm sido impulsionados pela baixa oferta de animais prontos para o abate. Esse cenário está atrelado ao desestímulo de pecuaristas nos últimos dois ou três anos e à estiagem severa dos últimos meses. A redução dos abates, por sua vez, tem diminuído o volume de carne no atacado, elevando os preços dos cortes. Paralelamente, a demanda interna se mantém aquecida. Quanto ao mercado internacional, segundo dados da Secex, no acumulado deste ano, o volume de carne in natura embarcado foi 10% superior ao do mesmo período de 2009. Fonte: DCI.

 

Fonte:Sindicato Rural de Ibitinga

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2018 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546