Ibitinga, Quarta, 19 de Setembro de 2018
Programa Turismo Rural chega a sétima edição
Desenvolvido pelo Sindicato Rural, em parceria do Senar-SP, o programa fortalece a atividade na cidade e região

  A 7º Turma do programa Turismo Rural, desenvolvido pelo Sindicato Rural de Ibitinga e ex-tensão de base em Tabatinga, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Senar-SP, realiza na edição 2016, juntamente com as turmas anteriores, o tradicional Festival Cultural Gastronômico, que acontece em novembro e apresenta roteiros repletos de atrações turísticas. “Todas as ações propostas estão sendo planejadas de acordo com a vocação de cada propriedade, das habilidades da família e contando com a experiência de produtores já consolidados como Eduardo Rossi da Silva, da Fazenda Voltinha e Carlos R. Rigoletto Júnior, da Empresa Rigomel, ambos no Distrito de Cambaratiba e ex-alunos do Programa Turismo Rural”, explica a instrutora do programa, Ângela Barbieri Nigro do Amaral, turismóloga especializada em gastronomia. Os roteiros serão temáticos e contemplarão cultura, gastronomia, natureza e artesanato.

  “A comunidade de Ibitinga é muito hospitaleira, receptiva e o município detém um diferencial turístico muito expressivo: o título  de Capital Nacional do Bordado. Este diferencial, quando organizado e estruturado diante da Identidade dos Patrimônios, pode gerar muitas oportunidades de emprego e renda para toda a comunidade e para o turista a experiência de vivenciar uma nova cultura. Acre-dito que o Programa Turismo Rural amplia as possibilidades de sucesso do turismo no município, valorizando ainda mais a tradição do bordado e colaborando para que a cidade apresente também suas belezas naturais e a cultura rural”, afirma Ângela Nigro.

  Para a participante da edição 2016 do curso de Turismo Rural, Izabel Aparecida Botter dos Santos, o programa está sendo muito importante, pois amplia a visão e possibilita aperfeiçoar conhecimentos nas atividades rurais. “Esse é um campo de atuação muito grande e ainda pouco explorado na nossa região, principalmente no nosso município, onde existem belíssimas propriedades com enorme potencial para serem explorados pelo Turismo Rural de diferentes maneiras, em variados segmentos, como o Turismo de Experiência e Vivência, que tende a crescer, ou o Turismo Ecológico”, avalia a participante.

  Ainda segundo Izabel, o programa Turismo Rural, assim como outros cursos oferecidos gratuitamente no Sindicato Rural, são de fácil entendimento, o que permite o amplo aproveitamento do conteúdo. “Foi fundamental todo o aprendizado até aqui, que considero importante para me ajudar nos meus projetos como turismóloga. As atividades turísticas rurais ainda são pouco exploradas em Ibitinga e espero agregar novos conhecimentos para poder atuar juntamente com os proprietários rurais que desejam desenvolvê-las e não sabem como. As propriedades precisam se adaptar para melhorar os pontos positivos e transformar os negativos e, através do programa, aprendemos a identificar e desenvolver as potencialidades de cada uma. Unindo nossos esforços e conhecimento, podemos buscar parcerias para tornar nossos sonhos realidade”, afirma.

  Para o presidente da entidade, Luiz Flávio Pinheiro, o programa Turismo Rural, assim como os demais cursos desenvolvidos pela entidade através da parceria com o Senar-SP, contribui com o desenvolvimento do setor rural e, consequentemente, com a cidade. “Em especial Ibitinga, que tem forte vocação turística, ganha muito com esse programa, que chega a sua sétima edição, promovendo a profissionalização e estimulando o desenvolvimento do setor. A ampliação do Turismo Rural no município só fortalece o Turismo como um todo”, conclui o presidente.

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2018 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546