Ibitinga, Quinta, 22 de Novembro de 2018
Sindicato Rural promoveu Curso de Artefatos em Folhas Esqueletizadas
Curso realizado em parceria com o Senar-SP teve como objetivo ensinar novas técnicas para artesãos locais

  No último dia 20 de agosto, o Sindicato Rural de Ibitinga e extensão de base em Tabatinga promoveu em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR-SP), mais um Curso de Arte-fatos em Folhas Esqueletizadas, em sua sede em Ibitinga.

  O curso atende uma demanda relacionada ao Turismo Rural, onde o artesanato ganha destaque, com a confecção de peças que promovem a cultura e a tradição local. A atividade artesanal faz parte do cotidiano das pessoas, são confeccionadas várias formas de artefatos de utilidade doméstica, para lida rural ou ainda objetos de decoração. “O artesanato rural proporciona renda extra no orçamento familiar do homem do campo, por isso, o Sindicato Rural e o Senar-SP investem na realização de cursos e treinamentos nesta área”, explica o presidente da entidade, Luiz Flávio Pinheiro.

  No treinamento, os alunos aprenderam sobre a importância cultural, econômica e social da conceituação do artesanato com folhas esqueletizadas. Também foram ensinadas técnicas de decoração, montagem e mista com a utilização de paredes, agendas, pastas, móveis, abajur, caixas entre outros objetos.

 O instrutor do curso, Donizette Pito Ribeiro, relatou que as atividades foram bem desenvolvidas e com grande interação. “A turma foi muito participativa e dinâmica. O curso contou com um grande número de pessoas e acredito que o objetivo de capacitar os alunos para preparar e esqueletizar as folhas e flores para poder comercializar os produtos tenha sido atingido. Cada aluno recebeu três peças para decorar e levar para casa”, enfatizou Ribeiro.

  De acordo com a aluna Joelma Cristina Ferreira Silva, o treinamento proporcionou um novo aprendizado. “O curso foi dividido em quatro dias e finalizado no último final de semana. As aulas são para quem se interessa por artesanato e aprendemos cada processo para esqueletizar uma folha. O procedimento envolve escolher as folhas mais novas, fervê-las e depois tingí-las ou para quem preferir deixá-las naturais”, contou Joelma.

  Silvana Paulo Machado, outra aluna, trabalha com artesanato há anos e disse que o curso superou suas expectativas. “Amei a oportunidade, tanto de fazer novas amizades como de adquirir experiência. O professor foi muito atencioso, e tirou todas as nossas dúvidas. Achei um pouco complicado apenas o momento de ferver as folhas com soda, para tirar a cor. Foi um pouco trabalhoso, mas deu certo”, finalizou a artesã.

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2018 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546