Ibitinga, Quarta, 19 de Setembro de 2018
Sindicato Rural organizou curso de 'Cana-de-Açúcar: Manejo e Tratos Culturais'
Objetivo foi de ensinar técnicas efetivas para o manejo

Aconteceu no último final de semana de agosto, entre os dias 27 e 28, o curso “Cana-de-açúcar: manejo e tratos culturais”, organizado pelo Sindicato Rural de Ibitinga e extensão de base em Tabatinga, em parceria com Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR-SP) As aulas foram realizadas na propriedade “Sítio Bispo do Capim Fino” e ministradas pelo instrutor Reinaldo Alves Junqueira, com o objetivo principal de ensinar técnicas efetivas para o manejo da cultura.

 Atualmente, o plantio de cana-de-açúcar exerce papel importante na economia brasileira, em decorrência do seu crescimento na área agrícola. Segundo levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado mês passado, o Brasil deve produzir 684,77 milhões de toneladas de cana-de-açúcar na safra 2016/ 2017, em fase de colheita, o que corresponde a um aumento de 2,9% em comparação com a safra anterior 2015 / 2016 (665,59 milhões de t).

  A estimativa de área a ser colhida, também de acordo com informações da Conab, foi avaliada em 8,97 milhões de hectares, o que representa um aumento de 3,7% na comparação  com a safra anterior.

  Durante a parte teórica do curso, os participantes aprenderam detalhada-mente sobre o controle de ervas daninhas (químico, mecânico e biológico), adubação (orgânica e química), irrigação, pragas (nematoide, cupim, besouros migdolus, broca-da-cana, elasmo e besouro da cana), entre vá-rias outras doenças. Já na parte prática, puderam executar todo o conhecimento adquirido em aula.

  Para o instrutor, a diversidade foi ponto positivo e os alunos souberam sanar suas dúvidas mais frequentes. “A turma foi excelente. Todos interagiram e aprenderam o necessário para o correto manejo da cana-de-açúcar. Meu objetivo foi cumprido, compartilhei com os participantes todo meu conhecimento sobre a cultura, pragas e doenças, entre outros cuidados”, afirmou.

  Para o proprietário do Sítio Bispo e agricultor, Eric Bispo dos Santos, o curso foi muito produtivo. “Agradeço ao Sindicato Rural por oferecer cursos como estes que agregam conhecimento e dão novas oportunidades aos produtores e também funcionários rurais. Foi uma experiência nova onde o instrutor passou muito conhecimento e segurança”, contou Eric.

  A cana-de-açúcar representa parcela muito expressiva, entre as culturas que, hoje, formam a riqueza da região e que, junto com o bordado, constitui quase a totalidade do ICMS que sustenta a prefeitura municipal, por isso, segundo o presidente do Sindicato Rural, Luiz Flávio Pinheiro, a realização deste curso contribui com o setor. “Há muitos anos a entidade providencia cursos para capacitação dos produtores rurais de Ibitinga, Tabatinga e demais interessados em se aperfeiçoar no exercício de suas atividades, contribuindo sempre com o setor pecuário e agrícola. Os maiores beneficiários desses cursos são as pessoas ligadas a essas atividades, que se aperfeiçoam e podem desenvolver com maior rendimento o seu desempenho, tornando suas propriedades mais produtivas e lucrativas. A experiência desses técnicos, que aqui comparecem partilhando seus conhecimentos, auxilia e fortalece a economia de nossos municípios”, concluiu Luiz Flávio.

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2018 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546