Ibitinga, Quinta, 16 de Agosto de 2018
Santa Casa faz empréstimos de R$ 1,4 milhão
Segundo atual administração, empréstimo evitou rombo mensal de R$ 170 mil, além de evitar cancelamento do PROSUS; programa de abatimento regressivo de impostos criado pelo Governo Federal

  Na Sessão Legislativa da última terça-feira 21, os vereadores Marco Fonseca (PTB) e Richard de Rosa (PSDB) e Marlos Mancini (PSC) protocolizaram um requerimento de informação questionando a direção da Santa Casa e a Prefeitura, sobre um empréstimo de mais de 1,4 milhão de reais.

  Depois de lido em Sessão, o secretário André Racy esteve na sessão, e usou a tribuna, em nome da prefeita Cristina Maria Kalil Arantes, e explicou os motivos para a necessidade do empréstimo de R$ 1,4 milhão, aproximadamente. Segundo André Racy, a administração passada, por motivos desconhecidos teria atrasado os pagamentos de INSS, IR, PIS, entre outros, no ano de 2016. O volume destes impostos, mais juros, teriam que ser pagos, caso o contrário, o não pagamento iria prejudicar a adesão da Santa Casa no PRO-SUS, um programa que elimina os débitos atrasados conforme vai se pagando os impostos atuais.

   O Secretário explanou aos vereadores, a importância do empréstimo para evitar mais prejuízo, tendo em vista que além do programa PRO-SUS, o não pagamento iria cancelar um beneficio da entidade, que é a não obrigatoriedade de 27,5% de imposto na folha de pagamento, o que iria gerar algo em torno de R$ 170 mil mensais.

  A resposta, sobre a questão elaborada requerimento, segundo André, anda deve ser enviada aos edis vereadores, mas sem data anunciada; mesmo após a explanação do enviado da prefeita na Câmara.

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2018 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546