Ibitinga, Quinta, 22 de Agosto de 2019
Bariri: Avícola é interditada pela Secretaria da Agricultura
Segundo o órgão, estabelecimento já tem histórico de autuações e técnicos relataram sujeira e embalagens falsificadas
Bariri: Avícola é interditada pela Secretaria da Agricultura
Fotos: Secretaria de Agricultura e Abastecimento/Divulgaçã

  Fiscais do Serviço de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISP), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, interditaram na manhã desta quinta-feira (31) a Avícola Prearo, em Bariri (56 quilômetros de Bauru), por suspeita de crimes que lesam o bolso e a saúde do consumidor.

  De acordo com relatório dos fiscais da secretaria, as análises de dripping test - que verifica a quantidade de água na carcaça de aves congeladas - apontaram volume maior do que o permitido e as condições de higiene e de armazenamento dos produtos estavam fora dos padrões exigidos.

  Durante a fiscalização, os técnicos relatam que encontraram, ainda, sujeira, embalagens falsificadas, aves acondicionadas em geladeiras com temperatura inadequada e equipamentos quebrados. Segundo o órgão, o estabelecimento já possui histórico de autuações por fraudes desta natureza.

  "É dever do serviço de defesa agropecuária do Estado coibir esse tipo de crime, que prejudica a economia e a saúde pública. Estamos vigilantes e nossos agentes de fiscalização estão espalhados por todo o Estado para fazer valer a lei. A fiscalização deve ser rigorosa para os fora-da-lei e instrutivas para os bem intencionados", declarou o secretário da pasta, Gustavo Junqueira.

  As ações, coordenadas por médicos veterinários da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, ocorrem em diversos frigoríficos do estado e seguem o que estabelece a Resolução SAA 36, de 21 de agosto de 2018, que trata do monitoramento da taxa de absorção de água em aves congeladas.

  Procurado pela reportagem, Ricardo Prearo, um dos sócios administradores da avícola, que fica em uma fazenda na zona rural de Bariri, informou que não vai se manifestar por se tratar de uma questão interna e particular da empresa.

 

JcNet

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2019 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546