Ibitinga, Quinta, 22 de Agosto de 2019
Projeto Guri de Ibitinga vai fechar no final de Abril
Ao todo 220 crianças ficarão desassistidas; destas, 36 estão em situação de vulnerabilidade social
Projeto Guri de Ibitinga vai fechar no final de Abril

 Os funcionários do polo do Projeto Guri em Ibitinga entraram em aviso prévio nesta sexta-feira (29), segundo relatos de fontes que preferem o anonimato. O motivo é o possível encerramento do programa após a Secretaria da Cultura do Estado não ter dado garantias de pagamento dos recursos necessários para que o projeto continue funcionando.

Polo em Ibitinga

   Nas redes sociais, a prefeita Cristina Arantes lamentou a decisão, que segundo ela, os funcionários seguirão trabalhando até o final de abril. Segundo a prefeita, além de Ibitinga, outros 119 polos do projeto fecharão no estado. Em Ibitinga são 220 crianças atendidas, e destas, 36 em estado de vulnerabilidade social.  

   Aqui, crianças e adolescentes, com idade entre 06 e 18 anos, podiam aprender aulas de Cavaco, Coral, Coral Infantil, Coral Juvenil, Percussão, Viola Caipira e Violão. As aulas acontecem no prédio da Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ibitinga (FAIBI), de 3ª e 5ª, das 8 às 11hs, e das 13:30 às 17:30 horas.   

Governo
   Por meio de nota, a associação Amigos do Guri, responsável pela administração dos polos do projeto Guri no interior e litoral do Estado, afirma que não obteve da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo João Doria (PSDB), informa que estudos realizados pela organização indicaram a necessidade de um possível fechamento de polos na região. "O Projeto Guri segue em negociação com a Secretaria para reverter essa situação", conclui. Atualmente, o projeto atende mais de mil crianças e adolescentes na região.  

   O Governo do Estado afirma que a medida ainda não é definitiva, embora confirme que impacto do contingenciamento nos programas, instituições e ações pasta está sendo avaliado. A secretaria afirma que negocia com as organizações sociais responsáveis pela administração do projeto para "minimizar as consequências e buscar mais eficiência e mais eficácia".  

   "Estamos fazendo reuniões individuais com cada uma das 18 organizações sociais, incluindo as gestoras do Projeto Guri, para definir as prioridades e os ajustes necessários. Trata-se de um imperativo da realidade orçamentária do Estado", afirma a pasta, também através de nota.  

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2019 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546