Ibitinga, Sexta, 19 de Julho de 2019
Audiências Públicas marcaram a 2ª fase da revisão do Plano Diretor
Prefeitura sediou debates com a população para analisar demandas como lazer, habitação, turismo, meio ambiente entre outros
Audiências Públicas marcaram a 2ª fase da revisão do Plano Diretor
fotos: Perseu Tucci Filho

   A segunda fase da revisão do Plano Diretor do município de Ibitinga teve andamento nesta semana, onde foi realizado três Audiências Públicas. A população pode ajudar debatendo demanda e soluções para diversas áreas da cidade, como sugestões para o turismo, gestão pública, desenvolvimento econômico, preservação de áreas institucionais e área verdes, preservação e captação de água, possível ampliação do município, entre outras demandas.

   A prefeitura de Ibitinga promoveu, na última quinta-feira 09, no anfiteatro do Paço Municipal, uma das audiências.  A participação popular foi importante para definir como será o desenvolvimento da cidade para os próximos dez anos.

  “O Plano Diretor que foi instituído pela nossa Constituição Federal, e foi regulamentado pelo Ministério das Cidades, que regulamentou a necessidade da revisão do Plano Diretor a cada dez anos”, explicou o vereador Gabriel Benetácio de Oliveira, durante a Sessão Legislativa, na terça-feira (07), sobre os motivos das Audiências Públicas, e do novo plano, que “dividiu o nosso município em sete grandes regiões”, explicou Benetácio.

Reuniões

    No último dia 08, quando houve a  segunda Audiência Pública, da segunda fase do planejamento do Novo Plano Diretor, onde os presentes puderam debater sobre temas como transporte, saneamento e infraestrutura urbana.

   Na terça-feira 07, os debates foram sobre as demandas de ocupação do solo, meio ambiente, habitação, cultura e lazer.

 Já na última quinta-feira 09, a população participou dando opiniões sobre demandas e soluções para as áreas de turismo, economia criativa, gestão e desenvolvimento econômico.

Planejamento

  Na 1ª fase, segundo dados da Polo Planejamento, que é coordenada pelo Consultor Thiago Gomes, da empresa contratada pele Prefeitura para realizar o plano, aconteceu a 'Leitura de Diagnóstico da Realidade de Município', onde ocorreu o levantamento de dados e identificação dos pontos críticos do município.

   Na 2ª fase, a reunião técnica apresenta 'eixos estratégicos', em Audiências Públicas, afim de apresentar  e construir um Planejamento e Gestão, junto com Indicadores e Prognóstico.

   Na terceira fase, ainda a ser realizada, é esperada uma revisão da Legislação Urbanística, a construção de uma Minuta do Plano Diretor, uma reunião com membros do Ministério Público e vereadores, e a construção do 'Plano Diretor Participativo'; mas sem data anunciada pelo Executivo.

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2019 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546