Ibitinga, Segunda, 14 de Outubro de 2019
Projeto Pardas do Tietê captura mais uma onça
O animal, capturado em Ibitinga, é jovem e saudável, tem quase dois metros de comprimento e pesa 40 quilos
Projeto Pardas do Tietê captura mais uma onça
Foto: Danilo da Costa Santos / Instituto Pró-Carnívoros / Divulgação

  O Projeto Pardas do Tietê capturou, no começo do mês de julho, a nona onça-parda desde quando foi iniciado o estudo, em 2013. A mais recente campanha de captura, desenvolvida pela equipe do projeto no município de Ibitinga, teve início em 6 de julho e possibilitou, em menos de 48 horas de armadilhamento, a apreensão de mais um macho para monitoramento. O animal é jovem e saudável, tem quase dois metros de comprimento e pesa 40 quilos.

   Durante a captura, a anestesia ocorreu de forma tranquila e a onça apresentou uma ótima recuperação, sendo solta já no final da tarde daquele mesmo dia. Em homenagem a sua pelagem baia que contrastou lindamente com a luz do sol, o novo macho recebeu o apelido de Tupã, que segundo a crença tupi-guarani, representa o Deus supremo que habita na luz do Sol.

   A parceria da AES Tietê com a ONG Instituto Pró-Carnívoros e o Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Carnívoros (CENAP) do ICMBio/MMA promove o Projeto Pardas do Tietê com o objetivo de monitorar e preservar as onças-pardas.

   “Já estamos na segunda fase do projeto que tem como objetivo monitorar onças-pardas nas áreas de influência direta e indireta das Usinas Hidrelétricas de Ibitinga e Barra Bonita, para promover a conservação não apenas das onças, mas da biodiversidade da região”, explica Larissa Vanuchi, engenheira de Meio Ambiente da AES Tietê.

 

JcNet

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2019 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546