Ibitinga, Terça, 02 de Junho de 2020
Maria Júlia Dametto
Religiosidade e cotidiano
*TEMPOS e TEMPOS *

 

 “Bendito seja o Nome do Senhor, agora e para sempre.”(Sl 112,2)

 

  Senhor, sou fruto de uma geração que sabia respeitar os mestres, os mais velhos, os idosos; que tinha poucas diversões (geralmente brincadeiras de rua, a leitura de livros, a assistência a filmes apropriados à sua idade ou até mesmo a ida à Escola e os estudos); que tudo fazia para ir à Igreja e recebê-Lo na Eucaristia.

   Vivíamos na simplicidade e éramos felizes.

   Hoje, Senhor, o progresso facilitou muito a nossa vida, a comunicação se globalizou, a rapidez de notícias nos atordoa, o áudio e o visual nos escravizam.

   Não somos mais tão felizes!

   O que fazer, Senhor? -Temos o progresso e não temos alegria: sofremos pelo que se passa ao nosso redor e também muito longe de nós!

   Somos escravos da evolução. Perdemos a liberdade. O celular, o computador e outros mecanismos tecnológicos de comunicação nos atualizam e nos movem.

   Senhor, estou cansado. Quero paz. Quero um tempo mais lento. Quero caminhar mais devagar, pensar mais lentamente, usufruir do que gosto,do meu jeito,sem pressa!

   Ó Jesus, Senhor do Tempo, tira de mim a aflição de querer acompanhar a evolução e que, mesmo ficando mais atrás,eu me sinta em paz.

 Queria hoje, Senhor, ser Natanael, ler à sombra da figueira, protegido do calor e das distrações.

........,........................................,

   Quer queiramos ou não, somos continuadores da missão de Jesus: anunciar o Evangelho,expulsar demônios, curar doenças.

   Não é pretensão porque nada disso faremos sozinhos. É somente e com a ação do Espírito Santo que auxiliaremos nosso irmão a crescer na fé e a se sentir bem pelo simples fato de estar vivo.

   O mal não nos aflige quando estamos segurando na mão de Deus. Podem vir as intempéries: transpomos qualquer obstáculo sem temor.

   Jesus nos ensina que devemos ser sóbrios, não buscar luxo e excesso de conforto, mas sim, viver com o essencial.

   Ou aprendemos ou sofremos, sempre sofreremos!!!

comentários Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2020 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546