Ibitinga, Quinta, 29 de Outubro de 2020
Banco do Povo chega a R$ 720 milhões em oferta de crédito
Governo de SP anunciou mais R$ 70 milhões em microcrédito para MEI, produtores rurais e informais durante pandemia
Banco do Povo chega a R$ 720 milhões em oferta de crédito
FOTO: Prédio onde funciona o Banco do Povo em Ibitinga / Reprodução Internet

 O Governador João Doria anunciou nesta segunda-feira (10) a liberação de mais R$ 70 milhões em microcrédito do Banco do Povo. São duas novas linhas de crédito para auxiliar empreendedores a atravessarem a crise e a alavancar seus negócios durante a pandemia da COVID-19. O Governo de São Paulo chegou a R$ 720 milhões em oferta de crédito neste período.

  “Com os R$ 70 milhões, o Governo de São Paulo chega a R$ 720 milhões de oferta de crédito durante a pandemia. Antes desse anúncio, o Banco do Povo e a Desenvolve SP já haviam disponibilizado R$ 650 milhões aos menores juros do mercado, com carência estendida, para os empreendedores do estado”, disse, em notícia veiculada pela assessoria de imprensa do Governador Doria.

  A primeira linha é para os empreendedores informais e produtores rurais sem CNPJ, com opções de crédito de até R$ 5 mil e taxa de juros de 1% ao mês. O prazo para pagamento é de até 12 meses com carência de até 60 dias para capital de giro. Já para o investimento fixo, o prazo para pagamento é de até 24 meses com até 90 dias de carência. O empresário deverá apresentar avalista.

  Já a segunda linha é voltada para Microempreendedores Individuais (MEIs) e produtores rurais com CNPJ. Com taxa de juros de 0,35% a 0,70% ao mês, o limite de crédito é de até R$ 8,1 mil, que também pode ser utilizado tanto para compras de mercadoria quanto para pagamentos das obrigações da empresa.

  O prazo para pagamento é de até 24 meses com carência de até 60 dias para capital de giro. Já para o investimento fixo, o prazo para pagamento é de até 36 meses com até 90 dias de carência. Para solicitar os financiamentos, o empreendedor não pode ter restrições cadastrais no CNPJ e CPF.

  O Banco do Povo também está fortalecendo os pequenos empreendedores por meio dos cursos do Empreenda Rápido, em parceria com o Sebrae-SP. São diversos cursos que ajudam a melhorar a produtividade, reduzir custos e gerenciar o negócio, sempre com aulas direcionadas para cada momento empresarial.

Mais informações sobre as linhas de crédito podem ser consultadas em www.bancodopovo.sp.gov.br.

Banco do Povo

  Em Ibitinga, o Banco do Povo Paulista fica na Rua Tiradentes, nº 1.145 (onde também fica o Detran). O telefone de contato é: (16) 3341-5332.

Confira as condições para as linhas do Banco do Povo

  Empreendedor Informal (pessoa física) ou Rural (sem CNPJ):
• 1º crédito até R$ 3.000,00
• 2º crédito até R$ 5.000,00
• 3º crédito e posteriores até R$ 5.000,00
• Taxa de Juros 1% a.m + 1% TSF ato
• Capital de Giro: Até 12 meses com até 60 dias
• Investimento Fixo: Até 24 meses com até 90 dias
• Deverá apresentar avalista

MEI + Rural (Rural com CNPJ):
• Crédito de até R$ 8.100,00
• Taxa de Juros 0,35% a 0,70% a.m + 1% TSF ato + FDA
• Capital de Giro: Até 24 meses com até 60 dias
• Investimento Fixo: Até 36 meses com até 90 dias

Linha Juro Zero Empreenda Rápido

  O Governo de São Paulo, por meio do programa Empreenda Rápido, também já disponibilizou, no início da pandemia, a Linha Juro Zero em parceria com o Sebrae-SP. O crédito é voltado para microempreendedores individuais (MEIs) e que não possuam restrições no CNPJ.

  Antes de fazer a solicitação de microcrédito, o empreendedor precisa realizar um dos cursos do programa, que oferece qualificação técnica e empreendedora, em parceria com o Centro Paula Souza. As inscrições podem ser realizadas no site www.empreendarapido.sp.gov.br.

  O limite de crédito é de até R$ 15 mil, que pode ser usado para aquisição de equipamentos, capital de giro, custo fixo e salário de funcionários, e conta com até 24 meses para pagamento e carência de um a três meses.

Crédito já disponibilizado

  Antes do anúncio de hoje, já tinham sido disponibilizados R$ 650 milhões em empréstimos subsidiados por meio do Banco do Povo, Desenvolve SP e também em parceria com o Sebrae-SP, para auxiliar as empresas a atravessarem a crise.

  Pelo Banco do Povo, a linha de microcrédito teve redução da taxa de juros de 1% para 0,35% ao mês, e vão de R$ 200 até R$ 20 mil. São voltados a micros e pequenos negócios formais (MEIs, MEs, LTDAs e EIRELIs), microempreendedores urbanos e rurais (com ou sem CNPJ), e também ao setor informal como motofretista e motorista. Mais de 70% dos recursos foram destinados aos setores mais vulneráveis da economia, como comércio, bares e restaurantes, beleza, transporte e eventos, entre outros. Até agora, 11.932 empreendedores foram contemplados durante a pandemia, com mais de 450 municípios beneficiados.

   O atendimento do Banco do Povo pode ser realizado remotamente pelo site www.bancodopovo.sp.gov.brou pelo Whatsapp: (11) 98370-9775.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

comentários
Folha de Ibitinga
Conheça um pouco mais sobre nós.

leia mais
redes sociais Acompanhe-nos em nossas redes sociais.
whatsapp (16) 98135-4546

Todos os direitos reservados © Folha de Ibitinga 2020 - contato@folhadeibitinga.com.br - telefone: (16) 98135-4546